Moda Roupa de ir ao consultório – a gestante que...

Roupa de ir ao consultório – a gestante que sofre

-

Você, gravidinha consciente, sabe que tem que acompanhar toda essa fase, ir ao médico regularmente, fazer os exames direitinho, se alimentar bem, não é? Isso aí, tem que fazer tudo direitinho pro bebê ter saúde desde os primeiros meses da gestação – e você também! Afinal, daqui a pouco vem o parto e a vida aqui fora, e os dois precisarão estar super bem para enfrentar tudo isso com vigor. Mas vem cá… sua barriga já está grande? Se sim, com que roupa você vai ao médico?

Prestar-atenção-com-o-conforto-das-roupas-pode-ser-essencial.Não é que exista uma opção na moda gestante para isso, tipo “Barbie vai ao consultório”, mas dependendo do tipo de consulta, existe uma roupa mais adequada, sim. Sobretudo se for uma consulta ginecológica, na qual você vai precisar colocar aqueles aventais “maravilhosos”, convém atentar para a roupa que você vai usar para ir até lá.

Ok, não entendi

Quando a barriga já está maior – e portanto, mais pesada -, os movimentos da gestante ficam mais limitados. Dependendo do mês da gestação, colocar e amarrar os sapatos vira um exercício de tirar o fôlego, literalmente! Tirar as meias naqueles dias em que elas cismam de agarrar no calcanhar… nossa… Dá um baita trabalho, não é? É disso que estamos falando.

Banheiro e trocador de consultório já não são cômodos grandes e pra uma grávida então, ficam menores ainda. Imagine se você tiver que se debater feito uma doida lá dentro para conseguir tirar a calça justa, o tênis de cadarço, a blusinha apertada, aquele monte de colares longos, um eventual coletinho…? E depois, pra vestir isso tudo de novo? Já pensou?

Quando falamos sobre moda gestante e conforto, não é à toa, nem por “modismo”. É fato conhecido, documentado e mais do que óbvio que a movimentação de uma grávida diminui à medida em que a gravidez avança. Quando isso acontece, além da mobilidade para tarefas do dia a dia ficar menor, também acontece com a capacidade de se reequilibrar depois de um tropeço, de um escorregão, de uma trombada qualquer – e mesmo depois de um eventual desequilíbrio quando foi tentar, simplesmente, amarrar ou desamarrar o cadarço. Por essa razão é que a moda gestante se preocupa tanto em oferecer roupas mais largas e com menos penduricalhos para que, além de confortável, fique também seguro.

Mas voltando ao consultório…

Escolher-um-look-mais-leve-é-muito-importante.Mocinha, você está grávida. E não, você não vai ficar com visual de balaústre se usar as roupinhas para mocinhas grávidas e lindas! Que tal se dar esse prazer e chegar no consultório leve e esvoaçante numa pantalona com cintura elástica, sapatilha sem amarração e uma batinha folgada super fresca? Pode ser até dessas com fitinha abaixo do busto pra dar aquela cinturada de grávida tão graciosa! É tudo bem fácil de vestir, de tirar e de vestir de novo depois da consulta.

Ah, não curtiu? Então que tal um vestidinho? Pode ser daqueles mais folgados sem cintura (esses não dão trabalho nenhum pra vestir nem pra tirar). Mas pode ser o cinturadinho também, porque não? Tem uns de tecido elástico, tipo visco lycra, ótimos para usar! E o melhor é que eles combinam com sapatilha, chinelinho, rasteira, espadilha…

Ou então um macacão! Que tal? Pode ser do clássico, feito em jeans, ou então em tecido de algodão (se o tempo estiver quente). Aliás, grávida de macacão é a coisa mais bonitinha! Com o corte bem folgadinho na barriga, as pernas mais largas e amarrações de laço perto dos ombros. Pronto! Só falta um amarradinho de flores na mão pra ficar praticamente uma pintura clássica! Nos pés? Um tênis sem amarração, um chinelinho desses com adereços…

Quando você vai a uma consulta onde sabe que vai precisar tirar os sapatos por alguma razão, então é óbvio que suas pulseiras (e seus colares longos) vão se aproximar bastante dos sapatos. Ou seja, existe um risco previsível de “embolamentos” aí, não é? Se você está numa fase avançada da gestação, já percebeu que seu equilíbrio ficou um pouco mais difícil do que antes. Ou seja, se embolar e você não estiver sentada, a coisa pode ficar feia.

Resumo da ópera: não facilite, não dê chance pro azar. E no mais, boa consulta! Esperamos que esteja tudo bem com você e seu(s) bebê(s)!

Últimas Postagens

Lista de Dicas de SEO para Criação de Site

Nesta semana, recebi uma ligação com um pequeno empresário que está criando seu site novo utilizando WordPress. Ele...

O Valor do Conteúdo na Hora de Criar seu Site

Acredito firmemente na preparação do conteúdo do site antes de iniciar o design gráfico, e isso se...

Infidelidade: números e estudo realizado pela BBC News

Calcular quantas pessoas já foram infiéis é um desafio, sobretudo porque os pesquisadores dependem da confissão de...

Você conhece as áreas de atuação do Detetive Particular?

O trabalho dos detetives particulares consiste, basicamente, na realização de investigações e todos os processos que são envolvidos...

Dicas para SEO Local para Médicos e Prestadores de Serviços

Abusca pelo trabalho de otimização de sites por pequenas e médias empresas locais, não para de crescer, a cada...

5 Dicas de SEO para Médicos

Você é um médico fundador de uma clínica ou consultório com muitos anos de experiência e excelentes...

Leia TambémRELACIONADOS
Recomendados para Você