Na hora de construir ou reformar a sua casa ou qualquer um de seus ambientes, é muito comum surgirem diversas dúvidas, inclusive quando o assunto são os pisos, entre pisos laminados e pisos vinílicos – qual escolher?

Antes de escolher qual piso usar, conheça as suas diferenças, principais qualidades e indicações. Afinal, os dois possuem vantagens e desvantagens, de modo que é preciso conhecê-los para saber qual é mais adequado às suas necessidades.

Pisos laminados x pisos vinílicos: quais são os mais indicados?

Pisos vinílicos e pisos laminados – quais são as indicações?

O mercado da construção sempre se renova e é frequente a presença de novidades quando o motivo é reunir a praticidade, funcionalidade e beleza. Um exemplo disso são os pisos.

Atualmente a oferta de pisos é muito grande, o que torna extremamente fácil escolher uma boa opção para a sua obra. Dentre todas as variedades que você pode encontrar, hoje vamos destacar os pisos vinílicos e os pisos laminados.

Tanto o piso laminado, quanto o piso vinílico são indicados para obras comercias e residenciais. Além disso, os dois são fáceis de aplicar e muito práticos. Confira o que os torna diferentes:

Piso laminado

É feito com lâminas de madeira feitas de aglomerados de HDF ou painel de fibras de alta densidade. Ele é composto por várias camadas desta mistura, porém a camada superior é selada com overlay.

Geralmente, a madeira usada nos laminados é de reflorestamento, o que torna este tipo de piso uma opção sustentável. Outro ponto interessante é a sua semelhança com a madeira, o que torna o piso laminado uma opção barata para quem gosta do material.

Sua aplicação é muito fácil e não gera sujeira. Basta aplicar uma manta com a finalidade de evitar ruídos e umidade e, depois, basta encaixar as placas de piso laminado.

Este piso também apresenta uma alta durabilidade, resistência a riscos e facilidade de limpeza, pois o piso laminado precisa somente da aspiração de pó e o uso de pano úmido.

Seus pontos negativos são que, mesmo com a utilização da manta, ele reproduz sons, é um piso muito liso e não é resistente à água por causa do miolo das lâminas, que é composto por madeira.

Piso vinílico

Este piso também é uma opção que respeita a natureza. O piso vinílico é formado com uma mistura de plásticos reciclados, como o PVC, e cloreto de vinila. Mais fino do que o piso laminado, ele está disponível no formato de réguas, placas ou mantas.

Graças à presença de plástico na sua composição, o piso vinílico possui resistência à água, o que torna muito mais fácil a sua limpeza diária. Ele também abafa ruídos, é anti-chamas e antialérgico.

Sua aplicação é muito simples e rápida: basta o uso de cola para fixá-lo ao chão. Outro fato interessante deste produto é a sua variedade. O piso vinílico possui uma grande gama de texturas e cores de estampas.

Para a sua limpeza, basta usar uma vassoura de cerdas macias e finalizar com um pano úmido. Para uma limpeza completa, ele pode até ser lavado com água e sabão, desde que o piso não fique encharcado.

Este piso também apresenta pontos negativos. Por exemplo, ele risca quando sofre grandes atritos. Desbota facilmente no sol e, apesar de ser resistente à umidade, não pode ser submerso.

Ambientes para aplicação

– O piso vinílico é a opção perfeita para ambientes internos, desde que não recebam muita luz solar. Perfeitos também para quartos infantis, por causa das suas propriedades antialérgicas. Além disso, oferecem bastante conforto térmico.

– Já o piso laminado deve ser colocado em ambientes secos e com temperatura bem amena. É uma opção mais sofisticada, para salas, quartos ou até mesmo para a área de home office.

– Se o ambiente em questão for externo ou receber muita umidade, nenhum desses dois tipos de pisos é indicado. Vale a pena procurar por outras opções disponíveis no mercado.

– Em relação aos valores, o piso vinílico pode ser encontrado por valores que vão de 35 a 120 reais o metro quadrado. Já o laminado tem o metro quadrado na faixa de preço de 30 a 150 reais.

– Se, mesmo assim, você não gostou de nenhum dos dois tipos de piso, você pode apostar nos porcelanatos que imitam madeira. Porém, vale a pena lembrar que este tipo de piso é um dos mais caros do mercado.

São duas opções muito bonitas e aconchegantes, que prometem tornar qualquer ambiente da sua casa muito mais bonito e aconchegante, com fácil instalação. Agora que você conhece os pisos laminados e vinílicos, fica mais fácil decidir o ideal para você.