Não é raro encontrarmos alguém que reclame do desempenho da bateria do celular. As queixas mais frequentes são de que o componente estaria “viciado”, consumindo a bateria muito mais rapidamente do quer o normal. Na atualidade, essa questão do “vício” é um mito, mas existem, de fato, alguns hábitos que podem reduzir o tempo da vida útil das baterias. Conheça alguns desses hábitos nocivos:

Hábitos que podem estar prejudicando o desempenho da bateria do seu celular

Usar o computador para carregar o aparelho celular

Esse é um hábito bastante frequente, já que muitas pessoas aproveitam as entradas USB para conectar o celular e carregar a bateria diretamente no computador. O problema é que, nesse tipo de entrada, a energia oscila consideravelmente. Como essa oscilação é capaz de provocar problemas que incluem o superaquecimento do aparelho, a vida útil da bateria pode ser reduzida. Dessa forma, o meio mais tradicional – carregar a bateria diretamente na tomada – é mais recomendável.

Muito calor ou muito frio

As baterias de aparelhos celulares são componentes caracterizados por sua sensibilidade à temperatura externa. O superaquecimento, por exemplo, é um fenômeno que pode danificá-la, bem como outros componentes eletrônicos do aparelho. Dessa forma, evite expor o celular ao sol ou deixá-lo em ambientes muito fechados quando a temperatura estiver muito alta. Da mesma forma, deixar o aparelho sem nenhum tipo de proteção quando as temperaturas estiverem extremamente baixas, especialmente em valores inferiores a 0ºC, também pode prejudicar o seu funcionamento.

Modelo de carregador incompatível

Algumas pessoas podem até pensar que carregadores de celular são todos iguais. Há, inclusive, quem compre qualquer modelo ilegal, por ser mais barato. No entanto, é essencial adquirir exclusivamente carregadores que possuam o certificado de homologação Anatel, que garante que se trata de um produto oficial, seguro e eficiente. Além disso, é preciso que apenas o carregador feito especificamente para cada modelo de celular seja empregado. Qualquer tipo de “adaptação” com carregadores incompatíveis pode danificar a entrada do cabo. Além disso, há o risco de faíscas, superaquecimento e possíveis incêndios.

Deixar o celular carregando e usá-lo ao mesmo tempo

Mais um hábito frequente: conectar o carregador na tomada e continuar usando o aparelho. Essa atitude, geralmente comum antes de dormir, também é bastante nociva. Com o uso simultâneo ao carregamento, a reação do aparelho é que a bateria demore mais tempo para carregar, o que, mais uma vez, pode levar ao superaquecimento. Por isso, é importante não utilizar o celular nesse momento para manter a temperatura do aparelho amena.

Em resumo: para que a bateria do seu celular funcione perfeitamente e não descarregue com facilidade, evite temperaturas extremas, procure não carregá-la diretamente no computador, utilize apenas o modelo de carregador compatível ao aparelho e não utilize-o enquanto a bateria está sendo carregada.