O seguro é algo em que a maioria das pessoas nem sequer pensa, até que elas precisem disso na prática. Assim, entender a importância da apólice de seguro residencial pode significar a diferença entre ser capaz de reconstruir sua casa ou ter que substituir seus pertences pessoais.

Entenda a importância do seguro residencial

Os donos de imóveis precisam fazer uma “apólice de seguro anual” para se certificar de que acompanham os custos locais de construção, remodelação de casas e inventários de seus pertences pessoais.

Hoje em dia, menos de 15% de todas as residências brasileiras têm seguro e, mesmo que esse número tenha crescido anualmente, ele ainda representa um percentual muito baixo.

Sabemos que falar de seguro residencial ainda não é tão comum quanto o seguro de automóveis. Quando as pessoas tocam no assunto, erroneamente se associa essa apólice apenas à cobertura de incêndios. Entretanto há muitos outros itens inclusos.

O que é o seguro residencial?

O seguro residencial tem como finalidade principal proteger todo o patrimônio do morador, não se restringindo apenas à estrutura física de uma habitação, mas também a tudo aquilo que está dentro do imóvel.

Assim, o que o seguro residencial irá cobrir de fato depende apenas do tipo de contratação que o morador fizer na hora da escolha da apólice. Um seguro básico desse tipo irá cobrir o imóvel no caso de queda de raio, incêndio e explosão.

O custo do seguro será calculado a partir do valor do imóvel, seja casa ou apartamento, e de uma estimativa de todos os custos dos bens que o integram. A partir desse tipo básico de seguro, é possível adicionar coberturas extras que são mais comuns, como roubo, vendaval, danos elétricos e responsabilidade civil.

O morador também pode optar por uma assistência 24h, que muitas empresas oferecem gratuitamente, dependendo do tipo de cobertura escolhido.

Essas assistências geralmente cobrem serviços, como eletricistas, encanadores, chaveiros e outros utilitários básicos de uma moradia convencional.

Qual a importância de um seguro residencial?

A sua casa, com certeza, é o seu segundo bem mais valioso, depois da sua vida, já que nela ficam todos os seus pertences, objetos de valor e é onde você e sua família passam a maior parte do tempo.

Essa informação, por si só, já nos leva a entender porque é tão importante que essa estrutura esteja protegida e segurada de acordo, já que acidentes são imprevisíveis.

Proteção contra passivos

As apólices de seguro da casa fornecem cobertura de responsabilidade civil em casos de ferimentos pessoais, danos materiais aos convidados e outros terceiros que possam ter incorrido enquanto os segurados residissem no imóvel.

Também pode haver perda e danos causados ​​a terceiros para os quais você ou os membros da sua família podem ser legalmente responsáveis. Esta cobertura é extremamente importante, pois oferece proteção para você e sua casa a partir de possíveis problemas legais.

Cobertura contra calamidades naturais e causadas pelo homem

Uma apólice de seguro de habitação abrangente cobre sua casa contra perdas e danos causados ​​por calamidades naturais, como terremotos, inundações, raios, tempestades, tufões, etc.

Outros perigos também estão assegurados, como atos de vandalismo, roubos, greves, tumultos e outras atividades causadas por indivíduos mal intencionados. Também permite recuperar financeiramente a perda e reconstruir sua casa.

Cobertura das despesas de vida temporárias

Caso sua casa segurada tenha sofrido algum dano e seja inabitável até você reconstruí-la/reformá-la, é possível alugar outra casa ou apartamento até seu imóvel voltar a ter condições habitáveis. Durante esse processo, a companhia de seguros irá cobrir suas despesas incorridas para pagar o aluguel.

Essas são apenas algumas das importâncias de se ter um seguro residencial. Por isso, entre em contato com sua corretora de seguros e faça, agora mesmo, uma simulação para deixar sua família mais segura e protegida.