A chave para uma mudança residencial bem-sucedida é o planejamento. Planejar e organizar a sua mudança irá ajudá-lo a aliviar o estresse que todo esse processo pode causar e evitar surpresas.

Pense que o processo de deslocalização leva de 30 a 60 dias e que durante este período, você precisará planejar e organizar tudo que deseja fazer, sendo que quanto mais organizado você estiver, menos estressado será.

Por isso ao contrário do imaginário popular, a chave para uma mudança residencial sem dores de cabeça está no tempo que você se dedica a isso, sendo que fazer tudo em cima da hora dá trabalho mesmo.

Como planejar uma mudança residencial_00002

Dicas para planejar a sua mudança residencial

A mudança residencial não precisa ser um empreendimento frustrante, já que com o plano certo você pode evitar as catástrofes de última hora e garantir um processo suave.

  1. Organize-se antecipadamente

Para diminuir o seu estresse, você deseja organizar-se o mais cedo possível. É provável que você tenha entre 30 e 60 dias para fazer um plano e se organizar para garantir que a sua mudança ocorra sem problemas.

Nessa hora considerar contratar profissionais especializados em mudança e parceiros pode ser uma boa dica. Você até pode investir um pouco mais no final das contas, mas com certeza todo o processo será muito mais tranquilo.

  1. Descobrir sua estratégia de mudança

Figurar como você vai chegar do ponto A ao ponto B é um item importante que precisa ser decidido. Você vai pedir aos seus amigos para ajudá-lo a se mudar, ou você vai contratar uma empresa de mudança confiável?

  1. Aproveite a oportunidade para se desapegar

Aproveite essa oportunidade para se livrar dos itens que você não usa mais. Pegue tudo que pode ser doado e ajude alguém que precisa, recicle papeis e revistas velhas que estão jogadas, doe roupas e brinquedos para a caridade.

Não importa, tente pensar em como se desapegar um pouco para começar uma nova fase da sua vida.

  1. Rótulo de tudo

Para se certificar de que você pode encontrar tudo quando estiver pronto para desempacotar, certifique-se de rotular todos os lados da caixa (evite o topo).

Quem estiver trazendo suas caixas pode não estar interessado em garantir que todos os rótulos estejam de frente para o caminho certo para que você possa recuperá-los facilmente.

Rotulando cada lado da caixa, será mais fácil para você encontrar o que você precisa depois.

  1. Prepare um kit de dia de mudança

Coloque uma caixa de lado e coloque itens essenciais nele que você precisará no dia da mudança: suprimentos de limpeza, lâmpadas, papel higiênico, sacos de lixo, mudança de roupa, etc.

  1. Proteja seus bens de valor

Quando se trata de objetos de valor, encontre um lugar seguro para armazená-los no dia da mudança. A melhor maneira de fazer isso é levando-os com você durante o trajeto.

Compre seguros adicionais para qualquer coisa que seja valiosa ou quebrável se você estiver usando uma empresa de mudança. Se você estiver movendo um computador, certifique-se de fazer backup de arquivos importantes apenas no caso de algo acontecer durante o transporte.

Como planejar uma mudança residencial_00001

  1. Pense nos serviços

Quando você se muda para um novo local, é importante certificar-se de que você entende como a transferência de contas de serviços públicos será tratada.

Você também quer fazer arranjos para ter sua linha telefônica, cabo e Internet instalados logo após você se mudar.

Essas 7 dicas de como planejar de forma eficiente uma mudança residencial poderão te ajudar a tornar esse momento muito mais tranquilo.