Os telefones celulares estão cada vez mais populares no Brasil. Muito mais do que simples meios de comunicação por ligações, esses objetos de adoração se tornaram praticamente um item essencial à vida moderna. Estar sem o celular em algum local ou hora do dia pode significar um “isolamento da civilização”.

5 dicas de cuidados com os telefones celulares

Hoje em dia, os celulares oferecem diversos serviços de informação, entretenimento, acesso à internet e diversos aplicativos que facilitam a vida das pessoas. Assim, é muito importante tomar cuidado com estes aparelhos “mágicos”. Confira algumas dicas a seguir:

Evitar ambientes de risco

Levar o aparelho celular à praia ou à piscina pode ser muito divertido para registrar esses momentos especiais. No entanto, não se pode esquecer que a água, o calor, a areia e a maresia oferecem perigo ao desempenho dos dispositivos eletrônicos. Dessa forma, o ideal seria evitar o uso do celular nesses locais, porém, se isso representar uma abstinência dolorosa, a dica é colocá-los em capinhas plásticas ou nas capinhas de modelo “meia”, que oferecem mais segurança.

Cuidado com impactos físicos

Por mais resistentes que os celulares da atualidade sejam, é importante lembrar que eles só foram projetados para suportar impactos menores. Qualquer queda pode danificar a estrutura geral do aparelho e seus componentes, inclusive a bateria. Dessa forma, tome cuidado ao manipular o celular e evite andar com ele na mão, pois qualquer distração pode provocar uma queda. Além disso, a temperatura corporal pode provocar o superaquecimento do aparelho.

Segurança ao praticar atividades físicas

Durante a prática de exercícios físicos, certifique-se de que o telefone celular está bem preso para que não caia com o movimento. Além disso, é importante que ele seja isolado do calor da pele e do suor, que podem danificá-lo.

Agir rapidamente caso o aparelho caia na água

Deixar o celular cair na água é o maior risco ao qual os aparelhos celulares estão expostos. Se isso acontecer, a primeira coisa a se fazer e retirar a bateria. Depois, é preciso enxugar o aparelho com uma toalha e com um secador. Essas ações, no entanto, não absorvem a umidade que pode ter atingido os componentes elétricos. Por isso, a dica para evitar problemas mais graves é deixar o aparelho em um pote com o arroz, pois o alimento absorve a umidade em alguns dias. Ainda assim, não é certeza de que tudo vai voltar ao normal.

Certificado de homologação Anatel

Por fim, ao comprar um celular, é muito importante que ele seja oficial, isto é, que tenha recebido o certificado de homologação Anatel – a Agência Nacional de Telecomunicações. Isso significa que esse aparelho tem comércio regular e foi aprovado em testes de segurança e eficiência. O uso de modelos não certificados, isto é, pirateados, pode oferecer riscos à saúde do usuário e problemas de desempenho.